14/10/2016

Resenha: O Quarto Dia


Título: O Quarto Dia
Autor(a): Sarah Lots
Editora: Arqueiro
Páginas: 352
Onde comprar: Amazon
Mais informações no Skoob

Livro resenhado originalmente no blog Pobre Leitora
Em O Quarto Dia, Sarah Lotz conduz o leitor por uma viagem de réveillon que tinha tudo para ser perfeita. Mas às vezes o novo ano reserva surpresas desagradáveis...
Janeiro de 2017. Após cinco dias desaparecido, o navio O Belo Sonhador é encontrado à deriva no golfo do México. Poderia ser só mais um caso de falha de comunicação e pane mecânica... se não fosse por um detalhe: não há uma pessoa viva sequer no cruzeiro.
As autoridades acham indícios de uma epidemia de norovírus, mas apenas descobrem os corpos de duas passageiras. Para piorar, todos os registros e gravações de bordo sofreram danos irreparáveis.
Como milhares de pessoas podem ter sumido sem deixar rastro? Teorias da conspiração se alastram, mas só há uma certeza: 2.962 passageiros e tripulantes simplesmente desapareceram no mar do Caribe.

Para quem teve a oportunidade de ler Os Três provavelmente se sentem com um pé atrás ao iniciar a leitura de O Quarto Dia. Um livro que pode parecer uma sequencia do outro mas que, apesar de se passar no mesmo universo não chega a ser uma continuação, já que este possui outros personagens e se passam alguns anos depois. Felizmente (para alguns) a Sarah Lotz tem uma mão diferente para escrever seus livros. Acho que posso afirmar que ela é o tipo de autora que quer sim confundir seus leitores e também faze-los olhar suas obras de diversas perspectivas, criando até mesmo teorias com o que aconteceu na história. E fazer o que se algumas pessoas, infelizmente, estão apenas acostumadas a ler livros fáceis, com final redondinho e tudo explicado? não, isso não é uma critica ao hábito de leitura de ninguém, mas vamos combinar que só porque você não entendeu o final do livro não significa que ele seja ruim, okay? rs


Eu cheguei a ficar um pouco confusa ao iniciar a leitura e perceber que a linha do tempo usada pela autora é diferente da proposta na sinopse pela editora, então realmente tentar explicar mais ou menos a história acabaria sendo um spoiler para os leitores. Acho que o mais próximo que posso dizer é que iremos saber exatamente o que aconteceu no navio nos dias em que ele ficou desaparecido. E sim, eu digo exatamente, da forma como aconteceu sob a perspectiva de vários personagens. Eu não consegui escolher um favorito durante a narrativa, portanto não vou nem citar nomes no texto. Não achei que todos os personagens escolhidos para protagonizar a história tenham sido realmente interessantes de se acompanhar, mas neste caso pode ser que eu tenha interpretado sua participação de forma errada, já que eu não acredito que informações aleatórias foram inseridas na história. Veja bem, eu sou uma leitora que acredita na escrita da Sarah e que tudo o que ela colocou na obra tenha sido intencional e com um propósito.

E não, não acredito que a Sarah tenha errado a mão na obra e que o final tenha ficado confuso ou algo do tipo. Não acho que a história se perdeu no momento mais importante, muito pelo contrário. É óbvio que a intenção da autora ao escrever a obra foi deixar o final aberto a interpretações, que vai de cada leitor. Então acho que ninguém precisa ter vergonha de dizer que não entendeu e sim pensar um pouco sobre tudo o que a obra te mostrou e criar teorias. Além de tudo o livro cumpre com o que promete no quesito suspense e um pouquiiinho de horror, além de ser uma leitura bem fácil de ser feita. Por mais que seja narrado em terceira pessoa e possua tantos personagens não da para ficar perdido durante a leitura e cada capitulo acaba deixando o leitor mais curioso para o próximo.

O único aspecto realmente negativo desde livro é ver que tantos leitores não gostaram dele por este ter uma proposta diferente e ai acabo que não tenho com quem conversar. A única que me entende é a Sammy e já teorizamos sobre ele praticamente de todas as formas possíveis que agora deve estar na hora de ouvir umas teorias novas. haha! De todo o mais o livro vale muito a pena então se tiver a oportunidade de pegar para ler abra a sua mente e só leia.
— (...) Você não viu nada. Isso foi só o aperitivo. O prato principal vai ferrar com a po**a da sua cabeça.

8 comentários:

  1. Tenho tanta curiosidade em ler esses dois livros! Imagino que os críticos sejam aqueles que tenham ficado confusos durante a leitura e por isso não consideraram a obra agradável, mas essas complexas costumam ser as melhores, já que as respostas estão todas nas entrelinhas. Adorei a sua resenha, quero muito ler mesmo!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Sil

    Eu não li o livro, infelizmente, mas sei como é ruim gostar de algo que ninguém gosta, acontece muitas vezes comigo rsrsrs E assumir que não entendeu é importante mesmo rsrsrss

    Adorei as fotos!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Amo livro que deixa aquele suspense e que faz o leitor pensar rsrs tanto esse livro como o livro Os Três estão na minha lista.
    Gostei muito da resenha e sobre não ter - quase -ninguém para conversar, quando eu ler vou correr aqui rsrs
    Beijoos!

    Refúgio da Ju

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Ainda não li nenhum dos dois, mas gosto de finais ~meio abertos~ que nos provocam para a interpretação. E adoro suspense! Mais dois para lista.

    tenha uma ótima semana.
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  5. Eu gostei muito da premissa do livro, mas acredito que se eu tivesse lido Os Três antes teria gostado mais. Mesmo não sendo necessária a leitura anterior, teve muitas referências do primeiro livro e isso me deixou incomodada...

    www.saidaminhalente.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Sil, sua linda, tudo bem?
    Vamos lá, adoro ser desafiada, adoro quando o autor não facilita em nada para mim a leitura. E sou mega curiosa, então, acho que vou enlouquecer com esse livro, risos.... Achei a proposta dela bem ousada e diferente, nunca li seus livros, mas com certeza quero conferir essas teorias que ela lança em seu texto e em nossa imaginação.
    Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu amei sua resenha, não conhecia esse livro. A história parece ser bem bacana! ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  8. Esse livro tem uma capa linda e parece ser bem interessante. Infelizmente nao é meu estilo de leitura, mas pra quem gosta deve ser emocionante :3
    http://b-uscandosonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir


Obrigada por comentar no Estilhaçando Livros. Se você tiver um blog deixa seu link que vou retribuir a visita com o maior prazer.